Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2015

Paulo Macalão e o político "esquerdista"

Imagem
Paulo Leivas Macalão foi sem dúvida um grande pioneiro nas Assembleias de Deus no Brasil. Evangelizou os subúrbios do Rio de Janeiro, expandiu e consolidou seu ministério em várias cidades e regiões do país. Tornou-se um personagem mítico ainda antes da sua morte em agosto de 1982. Quando seu nome é pronunciado, à lembrança que vem para muitos é do seu conservadorismo em relação a usos e costumes e  de suas composições e versões para o hinário das ADs, a Harpa Cristã.
Mas, há outro lado não muito explorado pela historiografia oficial: as relações do pioneiro com "gente graúda" da sociedade secular. Não é novidade que pastor Paulo era de família militar, e segundo o sociólogo Paul Freston ele "sempre cultivou vínculos" com os mesmos. Mas a foto dessa postagem revela um contato um pouco mais além do líder de Madureira com os "senhores" desse mundo.

Nela, Macalão acompanhado de sua esposa Zélia Brito Macalão, entre outros visita (ou recebe a visita), de João A…

O desmoronar de um ministério

Imagem
Pastor Marinésio da Silva Soares liderava uma igreja promissora. Inaugurou em 1978, o templo sede da AD em Campinas considerado "um dos mais belos e funcionais do Brasil". Politicamente mostrou força ao conseguir eleger seu genro, Manoel Moreira para deputado federal constituinte, e como consequência, sua família ascendia na sociedade.
Mas, a separação tumultuada da filha do então deputado Moreira se revelou um desastre para todos. As denúncias da "Musa" da CPI do Orçamento atingiu em cheio Manoel Moreira. Sua cassação seria inevitável, mas renunciou para evitar a perda dos direitos políticos. Contudo, o interesse midiático em sua inusitada carreira política promoveu uma devassa em sua vida particular, onde se viu que o humilde cabo da aeronáutica, em pouco tempo tornou-se um rico proprietário de mansões cinematográficas. A separação litigiosa igualmente recebeu destaque, pois afinal a sua "ex" agora revelava suas falcatruas nada evangélicas.
Como resultado…