Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2015

Costa x Costa - a luta pela AD no Ceará (3ª parte)

Imagem
A Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil realizada na cidade do Recife (PE), entre os dias 19 a 25 de novembro de 1962, absolutamente não foi um concílio dos mais amenos para a denominação. Começou com duras críticas do pastor Alcebiades Vasconcelos as convenções passadas por se mostrarem "reuniões estéreis e sem objetivo claro e construtivo", passando pela ausência do líder de Madureira Paulo Leivas Macalão, insatisfeito com certos problemas tratados naquela mesma CGADB.
Na tarde do dia 20, depois do debate de vários assuntos e da resolução de impasses ministeriais, o presidente da mesa diretora da CGADB, pastor Antônio Petrolino dos Santos "levantou um clamor com todos os convencionais" em favor da AD em Fortaleza (CE), a qual apresentava "sérias dificuldades". Diante da situação de instabilidade e beligerância instaladas na terra do Padre Cícero, pode-se afirmar que o pastor Antônio Petrolino foi generoso em suas palavras.
As "sérias difi…

Costa x Costa - a luta pela AD no Ceará (2ª parte)

Imagem
A morte do pastor José Teixeira Rêgo precipitou a sucessão que, em tese, deveria ser conduzida e controlada por ele mesmo. Sem a presença e autoridade conciliadora, a igreja testemunhou uma verdadeira guerra de interesses e luta pelo poder político-eclesiástico no Ceará.

De um lado, o representante do pentecostalismo moderno e urbano, o deputado estadual, advogado, pastor e genro do "apóstolo de Ceará", Luiz Bezerra da Costa. Do outro, o pastor Emiliano Ferreira da Costa, que não contava com um currículo secular tão expressivo como seu opositor, mas era o representante legítimo do pentecostalismo rural. No centro da disputa, o controle da igreja, e ao que tudo indica outras coisas mais.


Segundo o historiador Ruben Maciel, a própria perpetuação do mítico "apóstolo do Ceará", pastor José Teixeira Rego no comando da igreja já era alvo de contestações. Nos últimos anos antes da sua morte, o veterano obreiro preparava a sucessão, e claramente o nome do seu genro Luiz Cost…

Costa x Costa - a luta pela AD no Ceará (1ª parte)

Imagem
Na década de 1960, a AD no Ceará passou por uma crise sucessória traumática e de desdobramentos catastróficos para a unidade da igreja. Polarizando a forte disputa pelo controle do rebanho, dois líderes regionais de destaque: Emiliano Ferreira da Costa e Luiz Bezerra da Costa, que para ironia da história assinavam com o mesmo sobrenome, mas estavam em trincheiras opostas na luta pelo controle da AD cearense.

Primeiro uma breve biografia dos protagonistas: Emiliano nasceu em 1917 em Natal (RN), em um lar presbiteriano. Em 1932 esteve pela primeira vez no Ceará para trabalhar na construção de rodovias (BR-116 e BR-222), retornando em 1944, e fixando residência em Caracanga (Itaitinga). Filia-se a AD após seu regresso ao Ceará, sendo batizado em águas pelo pastor José Teixeira Rego em 1945. Consta ainda, que Emiliano ao se transferir para Fortaleza começou a auxiliar o pastor José dirigindo a igreja de Bela Vista até o ano de 1958. De Bela Vista seguiu para a cidade de Itapajé, local onde…