O caso Jimmy Swaggart - 30 anos depois

Há 30 anos, os cristãos evangélicos de todo o mundo, foram surpreendidos com o escândalo provocado pela confissão do pecado de Jimmy Swaggart. Para os brasileiros, o caso Swaggart foi um verdadeiro "balde de água fria" no entusiasmado público que o televangelista conquistou no país.

Calcula-se, que na época dos tristes acontecimentos, o programa de Swaggart alcançava 132 estações de TV nos EUA e mais de 145 países no mundo todo. No Brasil, o programa era transmitido semanalmente pela Rede Bandeirantes de Televisão e possuía uma grande audiência entre os crentes.

Durante o tempo em que foi retransmitido no país, certa vez, o programa teve a proeza de mudar de horário a programação da escola dominical de uma determinada igreja. O pastor da congregação assim o fez, porque o horário da escola coincidia com as pregações matinais do televangelista na TV.

Swaggart em seus dias de glória

Assim, ao visitar o Brasil em outubro de 1987, Swaggart estava no auge de sua glória. Suas pregações e belos hinos inspiravam os crentes. Na Cruzada realizada no Maracanã, cerca de 130 mil pessoas ouviram o norte-americano bradar contra a "lassidão moral do mundo" e compara-lá ao "mais repugnante tipo de lepra". Afirmou ainda ser a AIDS "consequência direta do pecado".

Toda a cúpula da CGADB e das convenções regionais estavam presentes no púlpito montado no Maracanã. Na ocasião, Swaggart recebeu o título de membro honorário da CGADB, na época presidida pelo pastor Alcebiades Pereira Vasconcelos.

Meses após transformar o Maracanã em Igreja - conforme a manchete do Mensageiro da Paz - o império de Swaggart desmoronou. Ainda em outubro de 1987, alguns dias depois da sua grandiosa Cruzada no Brasil, o televangelista foi flagrado com uma prostituta num motel na cidade de Nova Orleans, nos EUA.

Durante alguns dias, Swaggart foi pressionado para confessar o seu erro, até que em fevereiro de 1988, veio à confissão pública que abalou seus seguidores e contribuintes. Começava nesse momento o declínio do Ministério: demissão de 500 empregados, perda de audiência e de espaço nas maiores redes de televisões dos EUA, e a queda vertiginosa das contribuições. A CGADB por sua vez, cassou o título de membro honorário concedido no Maracanã.

Mas, o encontro (soube-se depois que foram vários) com a meretriz era tão somente a ponta do iceberg. Por questões financeiras e políticas, os mais famosos televangelistas norte-americanos estavam em uma guerra mortal, onde um desejava o espólio do outro. Nesse processo, Swaggart foi algoz e vítima.

No Brasil, o caso Jimmy Swaggart também teve enormes repercussões. Uma delas foi o enfraquecimento dos defensores de uma maior abertura da denominação. As ADs ainda estavam na gênese do seu "aggiornamento", e ao mostrar irmãs assembleianas de cabelos curtos, maquiadas e totalmente fora dos padrões de santidade, Swaggart indiretamente, levava muitos a questionar os modelos ainda exigidos pela liderança.

Jimmy Swaggart até tentou ao longo do tempo recuperar o prestígio, mas sem sucesso. Contudo, o televangelista marcou seu tempo e à memória de muitos crentes. Por ele, em pecado ou não, muitos tomaram conhecimento da mensagem do evangelho.

Fontes:

Mensageiro da Paz, novembro de 1987, CPAD: Rio de Janeiro.

CARVALHO, Moab César. O Aggiornamento do Pentecostalismo: as Assembleias de Deus no Brasil e na cidade de Imperatriz-MA (1980-2010). 

http://ograndedialogo.blogspot.com.br/2013/09/tele-evangelista-jimmy-swaggart-planeja.html

Comentários

  1. "Nesse processo, Swaggart foi algoz e vítima." esse foi o motivo Mario S. Da queda dele... Acusou anos antes outro tele evangelista de adultério, quando na verdade era uma mentira. Semeou a ruína de outro evangelista e colheu a ruína de seu próprio ministério e arruinou sua vida....

    ResponderExcluir
  2. Bom dia. Como tenho acesso a tese do Moab Cesar Carvalho " O Aggiornamento do Pentecostalismo"?

    ResponderExcluir
  3. Um Irmão que ganhei para CRISTO, anos depois me contou que, antes de aceitar o Senhor, assistia os programas do Pr. Jimmy Swagart e já sentia-se tocado por DEUS através das mensagens que ele pregava, mensagens CRISTOCÊNTRICAS, mensagens essas escassas na Igreja Evangélica Brasileira, infelizmente.

    ResponderExcluir
  4. O affaire Jimmy Swagart mostra ao mundo o quanto os protestantes conseguem ser divididos ao não aprenderem que livrar o homem de moralismos legalistas carnais que tentem substituir a suficiência da obra de Cristo Jesus na cruz para salvar o gênero humano, tal idéia meio que antinomista, mas é o fulcro e a essência a rigor da religião relgião protestante, fruto da reforma de Martinho Lutero que sofria dos escrúpulos que de certa forma o catolicismo acaba gerando em almas mais sensíveis. Quem quer ser protestante a sério é melhor que seja protestante old school: luterano e não de seitas mais recentes como as histéricas e montanistas pentecostais e neopentecostais com os seus papismos sem um Papa legítimo e com o seus legalismos de quem pretende se colocar como um outro redentor da humanidade.

    ResponderExcluir
  5. A grave questão se situa na análise preconceituosa do João Emiliano. Jesus declarou que os escândalos são inevitáveis e ocorrem em todas as denominações. Quanto à referência aos montanhistas, aqui associados as igrejas pentecostais, é bom lembrar que sua história foi contada pelos vencedores, os quais sempre capricham em sua versão. O protestantismo luterano, em que pese a dívida que os protestantes tem com Lutero, é um movimento morto, pois não cresce, não produz relevância, não diz a que veio. Claro está que reconheço todo
    e qualquer crente que ama verdadeiramente o Senhor Jesus e que o tem como único e suficiente Salvador. As igrejas pentecostais não são histéricas, ao contrário, pela graça de Deus são as responsáveis pelo maior avivamento cristão do século XX, chamado de século do pentecostes pelos historiadores. Por último devo lembrar que o cristianismo, desde os dias apostólicos, primou pela conduta santa, cuja características eram centradas nos bons costumes, viver sóbrio e casto, além do viver ético.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Flagrantes da cerimônia de diplomação dos novos bispos em Madureira

As Assembleias de Deus - títulos e honrarias

José Wellington – "não contavam com a minha astúcia"